Deputado quer sorteio de gabinetes na Assembleia

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr +

João Henrique Catan, deputado eleito, recorreu ao Tribunal de Justiça do Mato Grosso do Sul para solicitar que haja sorteio dos gabinetes de parlamentares na Assembleia Legislativa. Para Catan, os novos parlamentares não tiveram orientações sobre como acontece a distribuição dos gabinetes e o sorteio rechaça a restauração da velha política e dos não republicanos critérios de favorecimento indevido.

Pelo facebook, o deputado afirmou que, para que as decisões políticas sejam claras e tomadas com moralidade, foi impetrado um mandado de segurança para que os espaços sejam definidos realmente por sorteio e para que “justifique-se eventuais exclusões”. Catan afirma que não existem normas administrativas sobre o tema e destaca a diferença nos tamanhos e também nas localizações de cada gabinete.

Compartilhar.

Deixe uma resposta